História

do Bulas

Em 1756, foi criada a Região Demarcada do Douro, a região demarcada mais antiga do mundo. Hoje em dia esta região é responsável por uma expressiva quota de exportação de vinhos de elevada qualidade.

Bulas - DOC Douro

Desde sempre que a margem direita do rio Douro, na região de Cima Corgo, dá origem a vinhos de excelência. Registos históricos datados de 1256 referem a produção de vinhos na confluência do rio Ceira com o Rio Douro, na região de Gouvinhas, Sabrosa.  É neste ambiente de grande beleza natural, classificada como património Mundial pela Unesco, que as quintas da FozCeira e da Costa de Baixo, produzem vinhos, aliando a qualidade ao património, que inclui marcos pombalinos da região demarcada mais antiga do mundo (1756 – Região Demarcada do Douro).

As condições edafoclimaticas do local garantem a mais alta classificação potencial de qualidade da região (letra A). De facto, ano após ano, as vinhas velhas, compostas por uma variedade enorme de castas autóctones da região, bem como as castas Touriga Nacional e Touriga Franca, mais recentemente plantadas, produzem uvas de excelência permitindo obter vinhos concentrados, complexos, de elevada qualidade.

As vinhas são tratadas, tentando manter no local o equilíbrio e resiliência das plantas em harmonia com o ambiente envolvente, garantindo o cumprimento de todas as regras ambientais.

A produção dos vinhos é feita em pequenos lotes, que procuram captar as especificidades das diversas vinhas e castas. Aliando as técnicas tradicionais aos mais recentes conhecimentos e inovações, pretende-se garantir um contínuo acréscimo de qualidade e sustentabilidade futura. A família Bulas quer, mantendo a tradição e salvaguardando a cultura e património da região, produzir, de uma forma sustentável, vinhos de extrema qualidade captando a essência do Douro.

Quinta da Fozceira

Quinta da Costa de Baixo